fbpx

BLOGMOVIX

As últimas notícias para você

armazenamento-de-sementes-quais-os-riscos-em-nao-armazenar-da-forma-correta-5

Armazenamento de sementes: quais os riscos em não armazenar da forma correta?

Um sistema de armazenamento de sementes adequado contribui para evitar perdas, garantir uma boa germinação e aumentar a produtividade na agricultura. Além disso, ele permite que o produtor possa esperar o momento mais atrativo no mercado para vender a sua produção e alcançar uma receita mais elevada.

Porém, o armazenamento deve ser realizado observando-se fatores como a temperatura, a umidade dos grãos, o combate a insetos e a prevenção de fungos. A seguir, daremos dicas úteis para você ter mais eficiência e aumentar a produtividade. Confira!

Conheça os cuidados necessários no armazenamento de sementes

A qualidade máxima das sementes ocorre quando elas atingem a sua maturidade fisiológica. Por outro lado, quanto mais demorada for a colheita, maior será o tempo que as sementes ficarão expostas às intempéries, aumentando assim a probabilidade de ser iniciado o processo de deterioração.

Os danos causados na colheita mecânica ou na trilhagem podem provocar efeitos negativos imediatos ou latentes na semente. Os pontos de rompimento dos tecidos dos grãos servem de porta de entrada para os microrganismos, acelerando o processo de deterioração durante o armazenamento.

Para garantir bons resultados, as sementes devem ser guardadas em armazéns secos e bem arejados. Afinal, a temperatura e a umidade relativa do ar no local de armazenamento são fatores vitais para a velocidade da perda de qualidade das sementes.

O armazenamento de sementes geralmente é realizado em sacaria e feito em armazéns convencionais. Mas esses locais devem apresentar condições mínimas de armazenagem, como:

  • Boa ventilação
  • Piso impermeabiIizado e concretado, em torno de 30 cm acima do nível do terreno
  • Cobertura perfeita com beiral, projetando-se de 60 a 70 em
  • Padronização de sacaria
  • Pilhas de sacos erguidas sobre estrados de 10 em de altura e afastadas das paredes
  • Utilização de técnica de empilhamento para evitar tombamento dos produtos
  • Limpeza e inspeção periódica, com eliminação de varreduras
  • Proteção e combate contra roedores
  • Veja a importância da temperatura e umidade do ar

armazenamento-de-sementes-quais-os-riscos-em-nao-armazenar-da-forma-correta-3

Um fator de máxima importância é o controle da temperatura de secagem das sementes. Para fazer esse controle, todo secador deve ser dotado de termômetros. Você pode encontrar no mercado várias opções de secadores e silos secadores, geralmente baseados no princípio de secagem em camadas fixas.

Recomenda-se que as sementes sejam armazenadas em ambientes com temperaturas em torno de 15º C, que potencializam o seu poder de germinação.

Por outro lado, a temperatura das sementes jamais deve exceder os 40°C. Afinal, sementes submetidas a essa temperatura sofrem danos irreversíveis, apresentando perda de vigor e problemas de germinação. Portanto, armazéns com pouca ventilação, quentes e úmidos não devem ser utilizados para o armazenamento de sementes.

Além disso, a cobertura das sementes deve ser de material isolante de calor, para evitar uma elevação acentuada de temperatura pela ação dos raios solares.

A uniformidade do teor de umidade do lote de sementes também é muito importante, para evitar pontos de maior atividade de microrganismos.

Para garantir uma secagem mais uniforme, é preciso tomar cuidado com os secadores de camada fixa, que não fazem o revolvimento das camadas de sementes. Desse modo, as sementes situadas próximas à entrada de ar normalmente secam mais rapidamente do que aquelas das camadas mais distantes. Uma forma de contornar o problema é dotar o sistema com uma vazão de ar maior, que permite uma secagem mais uniforme, sem muita umidade.

Outro fator importante é o resfriamento do produto antes de ser retirado do secador. Para se obter bons resultados, a fonte de aquecimento de ar deve ser apagada e o ventilador mantido em funcionamento, soprando ar frio até a semente atingir a temperatura ambiente.

Saiba como evitar problemas no armazenamento de sementes

  • O armazenamento de sementes envolve uma série de riscos. Mas a boa notícia é que eles podem ser evitados com alguns cuidados, como veremos a seguir.
  • Uma alternativa para manter a temperatura adequada em regiões mais quentes é a utilização de ar-condicionado nos armazéns. Ele evita que as sementes sejam relegadas a variações externas e que a capacidade de polinização seja prejudicada.
  • Para evitar a umidade dos lugares em que as sementes são armazenadas, o local deve ser hermético, para provocar um isolamento térmico. Desse modo, pode-se controlar a umidade do ar internamente para que a semente não seque demais, prejudicando assim as suas condições ideias.
  • A limpeza do ambiente é fundamental para o armazenamento adequado das sementes e para evitar a infestação de bichos e pragas. Uma dica é optar por locais herméticos e melhor planejados, que possibilitem fazer um controle sanitário mais rigoroso e evitar perdas de insumos.
  • Muitos fazendeiros acumulam uma grande quantidade de sacos de sementes em um mesmo local. Porém, a circulação do ar é importante na armazenagem, pois ela refresca o ambiente de maneira homogênea. Desse modo, é possível obter condições iguais de germinação em todo o espaço.
  • Outra recomendação é que as sementes sejam retiradas do armazém apenas no período de regularização das chuvas e favorável ao plantio. Desse modo, fica mais viável garantir uma boa germinação.
  • Atente também para a necessidade de utilizar outras máquinas para carga e descarga de produtos, materiais e equipamentos, como tratores, empilhadeiras, reboques e caminhões. Desse modo, é possível agilizar as operações logísticas, aumentar a eficiência e reduzir o uso de mão de obra.

armazenamento-de-sementes-quais-os-riscos-em-nao-armazenar-da-forma-correta-1

Veja os benefícios do uso de empilhadeira no armazenamento

O processo de carregamento de sementes nos caminhões realizado de maneira manual submete os funcionários a condições desgastantes e não ergonômicas. O uso de empilhadeiras elimina a necessidade de uso da força humana e torna as operações mais eficazes, reduzindo os danos nos produtos e aumentando a produtividade.

As empilhadeiras todo terreno (off road) conseguem otimizar inúmeros serviços em terrenos irregulares e com desnível, trazendo força e agilidade para a lavoura. Por isso, apresentam um excelente desempenho mesmo em estradas acidentadas e sem pavimentação.

Essas máquinas também se destacam por sua capacidade para atingir níveis mais altos de elevação vertical com excelente capacidade de carga e maior velocidade e estabilidade. Elas possibilitam o empilhamento das cargas em grandes alturas com facilidade.

Esses equipamentos são perfeitos para empilhar cargas, mas também servem para fazer a distribuição e transporte de materiais para estoques e locais de utilização. Desse modo, eles evitam que ocorram desperdícios, acidentes e danos comuns no transporte manual.

Além disso, as empilhadeiras tornam o acesso aos estoques mais fácil e rápido, favorecendo uma melhor utilização dos espaços verticais e uma maior economia de espaço.

Conheça a linha de empilhadeira todo terreno da Movix

Você gostou desse artigo? Continue lendo sobre o assunto aqui.

 

COMPARTILHE