fbpx

BLOGMOVIX

As últimas notícias para você

como fazer a administração rural - movix

Administração rural: como aplicá-la na minha fazenda?

O poder do agronegócio é um fenômeno expansivo, extremamente impactante na economia nacional e diz muito sobre a alta demanda gerada para o setor nos últimos anos. Nesse sentido, já faz algum tempo que a administração rural familiar das propriedades começaram a dar lugar a administrações especializadas, transformando-as em empresas formais. 

Isso porque, diante da alta demanda, se tornou insustentável manter um padrão intuitivo, livre de conceitos e teorias, pautado apenas por tradição e pequenas negociações. 

Hoje, até mesmo as fazendas de pequeno e médio porte já deram os primeiros passos na profissionalização de seu trabalho e investem, cada vez mais, em aprimoramentos para facilitar e aumentar os lucros do dia a dia no campo.

Neste artigo, vamos falar sobre a diferença entre administração rural e gestão rural, te mostrar como ter controle de suprimentos, materiais e produção, como planejar e gerenciar sua mão de obra e como estabelecer um planejamento para as finanças. 

Vem com a gente!  

Qual a diferença entre administração e gestão rural?

Administração rural e gestão rural têm diferenças importantes entre si. Por isso, antes de te dar dicas de como administrar sua propriedade, vamos explicar os dois conceitos. Veja, a seguir:

Administração Rural

A administração rural deve controlar os recursos financeiros, humanos, materiais e mercadológicos, de forma que a empresa alcance seus objetivos utilizando o mínimo de recursos. 

A administração de uma empresa rural pode ser entendida como um processo de tomadas de decisões que busca alternativas produtivas para organizar e operar o negócio agrícola e atingir resultados positivos.

Nesse sentido, um planejamento administrativo bem feito evita inúmeras preocupações e prejuízos. Para isso, o administrador precisa ser organizado e estar atento aos seguintes aspectos:

  • Mudanças gerais no setor
  • Aspectos ambientais
  • Ritmo do desenvolvimento tecnológico aplicado no campo 
  • Oscilações do mercado
  • Características da propriedade

Por fim, a administração rural é ampla, repleta de conceitos técnicos e aplicações práticas na fazenda. Ela consiste em sempre atingir níveis satisfatórios de lucratividade e rentabilidade.

Gestão Rural

A gestão rural, por outro lado, tem um caráter mais operacional. Ela se relaciona com a administração, mas trata mais das ações executadas no campo. 

Além disso, seu foco pode sair do aspecto financeiro e se voltar para:

  • Gestão de processos
  • Gestão de pessoas
  • Gestão de ferramentas.

O gestor rural pode fazer uso de softwares e sistemas que auxiliem na coleta de dados e controle de processos.

4 pilares da Administração Rural

Os 4 pilares para uma boa administração rural são: planejamento, organização, direção e controle. A seguir, vamos aprofundar o conceito de cada um deles. 

Planejamento

Nesta etapa, o administrador deve definir quais são seus objetivos e quais as atividades e recursos necessários para atingi-los.

Sendo assim, é necessário avaliar o contexto atual, tanto do mercado quanto da fazenda. Assim, é possível estabelecer metas, prazos e prever resultados. Também é nesta etapa que deve ser definido quem será responsável por qual atividade. 

Organização

O planejamento deve ser executado e disposto de maneira organizada, para que todos tenham clareza de suas funções dentro do processo agrícola. 

A organização deve delegar funções, nomear responsáveis, estabelecer normas e regras e também os fluxos de trabalho e comunicação.

Direção

A direção do processo está ligada à motivação do pessoal ao executar o trabalho. Assim, ela deve reunir as pessoas certas, deixá-las a par das metas e objetivos da empresa rural e apoiá-las na execução das tarefas. 

Controle

Por último, o controle se trata do acompanhamento de cada etapa, até que as metas e objetivos definidos no planejamento sejam atingidos. 

Para que esta etapa seja eficiente, é necessário que o administrador tenha ferramentas à sua disposição, sejam elas tecnológicas ou não. Também exige que ele tenha a mente aberta para alterar e corrigir o planejamento quando necessário.

Ferramentas de Administração Rural

Veja, a seguir, algumas ferramentas comumente utilizadas por administradores para controlar as atividades no campo e no escritório da empresa rural.

  • Ficha de controle para trator
  • Ficha de controle para culturas
  • Ficha de controle mensal do número de animais existentes no rebanho
  • Ficha de controle leiteiro mensal
  • Movimento de caixa
  • Folha de pagamento
  • Planilha de custo para a produção de leite
  • Planilha de custo para o cultivo do café ou milho, arroz e feijão
  • Planilha de custo de investimento

Para garantir ainda mais precisão e reduzir erros, o ideal é que todas as ferramentas estejam disponíveis em sistemas ou softwares automatizados, capazes de oferecer esses dados em tempo real.

Este foi o nosso artigo sobre Administração Rural. Esperamos que ele tenha te ajudado a estabelecer as etapas do seu processo administrativo. Clique abaixo e leia mais conteúdos como este em nosso blog. 

 

REFERÊNCIAS:

ARRUDA, Leonéia. Administração Rural e Economia Rural. Instituto Formação Cursos Técnicos Profissionalizantes. Disponível em: <http://www.ifcursos.com.br/sistema/admin/arquivos/14-29-36-apostiladeadmeeconomiarural.pdf>

COMPARTILHE